Plataforma digital de comunicação multimédia para a promoção e divulgação do concelho de Alijó. Espaço cívico de debate, de informação, de opinião plural e de defesa dos interesses concelhios.

Festival “Sons do Parque” enche Alijó de música nos dias 13 e 14 de julho

0 1.133


As entradas são grátis, o calor deve fazer-se sentir e o espaço onde é realizado o evento musical é fantástico. Falamos do “Sons do Parque”, um festival que nos dias 13 e 14 de julho deverá encher Alijó de boa e diversificada música. A organização desta iniciativa cultural congrega uma parceria entre a Câmara Municipal e a Junta de Freguesia de Alijó.

Pelos nomes seelcionados para o cartaz de 2018, está garantida a qualidade do evento que este ano apostou num número variado de bandas e numa selecção bastante ecléctica, capaz de satisfazer diferentes gostos musicais, com destaque para o rock, soul, blues e jazz.

Nesta segunda edição do “Sons do Parque”, o festival é marcado pela presença de Marta Ren & The Grovelvets, uma banda do Porto que explora com a perfeição dos grandes intérpretes americanos as potencialidades do soul e do Funk.

Dizem de Marta Ren que “vai ser um caso na música ocidental” e o certo é que desde 2016 que os seus temas foram apanhados no radar das grandes rádios europeias, onde têm vindo a ser passados, como por exemplo na Radio 1 da RAI, na Radio 3 espanhola, no Basic Soul Show de Simon Harris, no Craig Charles Funk and Soul Show, na BBC 6, etc.

Sem deixar de estarmos atentos aos restantes nomes do cartaz, o concerto de Marta Ren & The Grovelvets será um dos momentos imperdíveis do festival “Sons do Parque” deste ano.

De Espanha vêm também os Aurora & The Betrayers e os impetuosos Sexy Zebras.

Da edição de 2018 fazem ainda parte os franceses Datcha Mandala, a que se deverão juntar mais duas bandas portuguesas: os Monnshiners e os Iron Fist Blues Band.

Comentários
Loading...