Plataforma digital de comunicação multimédia para a promoção e divulgação do concelho de Alijó. Espaço cívico de debate, de informação, de opinião plural e de defesa dos interesses concelhios.

“Gota a gota não seque esta ideia”: campanha do município para o uso racional da água

O município duriense tem em curso uma campanha de distribuição de “desdobráveis pela população com mensagens de sensibilização como fechar a torneira enquanto se escova os dentes ou se barbeia, não lavar roupa ou louça com água corrente ou assegurar que não há fugas de água nas tubagens ou torneiras”

0 706

Já está em curso a campanha “Gota a gota não seque esta ideia” que a Câmara Municipal de Alijó lançou para sensibilizar os munícipes para a poupança de água, uma ação que tem de ser empreendida por todos, apesar dos últimos valores de pluviosidade terem elevado os níveis da barragem local até à cota dos 90%.

A chuva de março ajudou a resolver muitos problemas relacionados com a gestão da água no concelho de Alijó, mas esta não é uma solução definitiva, uma vez que a gestão da água será uma das dificuldades com que o país e o planeta terão que se debater no âmbito do quadro atual de alteração das condições climáticas. A água poderá ser um recurso condicionado, embora seja crucial para a existência de vida. Por tal motivo,  tem que desde já  ser gerida de forma adequada e racional para que esse recurso vital possa, no futuro, ser utilizado por todos.

Segundo José Paredes, presidente da autarquia de Alijó, as pessoas não devem desperdiçar água, porque, explica em declarações à Agência Lusa, apesar de “ a barragem de Vila Chã estar a repor os níveis não quer dizer que se possa desperdiçar água. Este é um primeiro passo. Queremos, periodicamente e ao longo do ano, apelar e relembrar que é na poupança que muitas vezes está a melhoria das nossas condições de vida“, sublinhou.

O município duriense tem em curso uma campanha de distribuição de “desdobráveis pela população com mensagens de sensibilização como fechar a torneira enquanto se escova os dentes ou se barbeia, não lavar roupa ou louça com água corrente ou assegurar que não há fugas de água nas tubagens ou torneiras”.

Comentários
Loading...